Oeste: Operação apreende 300 pássaros criados em cativeiro e agrotóxico ilegal

Mais de 300 pássaros criados em cativeiro e cerca de 60 litros de agrotóxico ilegal foram apreendidos na 40ª etapa da Fiscalização Preventiva Integrada. A ação, que começou nesta terça (18), segue até a próxima semana nas cidades de Ibotirama, Barra, Buritirama, Morpará, Muquém do São Francisco, Oliveira dos Brejinhos, Paratinga, Sítio do Mato, Brotas de Macaúbas e Ipupiara, todas no oeste baiano. Conforme o Ministério Público da Bahia (MP-BA), responsável pela operação em conjunto com outros 30 órgãos, a ação busca identificar irregularidades em áreas de saneamento e gestão ambientais, aquicultura, agricultura, piscicultura, fauna, patrimônios cultural e espeleológico (grutas e cavernas), segurança do trabalho, mineração e cerâmica, loteamentos e comunidades tradicionais (indígenas, quilombolas e de fundo de pasto). Segundo o MP, na última quarta (19), as equipes apreenderam mais de 60 litros de agrotóxico em um empreendimento rural localizado em Barra. O produto, conhecido como CERCO 24 EC, de fabricação chinesa e que é comercializado no Paraguai, não tem registro no Brasil, sendo proibida a comercialização e utilização dele. O responsável pelo local foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil e responderá pelos crimes de contrabando de agrotóxicos e armazenamento e utilização irregulares.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: