Bahia sedia maior evento de mountain bike das Américas

Municípios da Costa do Descobrimento, no extremo sul da Bahia, vão recepcionar mais de mil atletas de pelo 23 países para o maior evento de mountain bike das Américas, o Brasil Ride. Lançado oficialmente nesta segunda-feira (10), a maratona ciclística internacional acontece entre os dias 15 e 22 deste mês e vai passar por três cidades baianas, nas quais os ciclistas percorrerão mais de 500 quilômetros pelas belas paisagens e terrenos desafiadores da região. Esta é a sétima edição do evento, que era realizado anteriormente na Chapada Diamantina e em 2016, pela primeira vez, acontece no sul do estado. Lançado oficialmente em reunião realizada na Governadoria, nesta segunda (10), com a presença do governador Rui Costa e organizadores, o evento recebe apoio do Governo do Estado e investimentos da ordem de R$ 560 mil.

Para a Bahia, sediar um evento que está entre as seis provas mais importantes do mundo na modalidade representa movimentação econômica e, sobretudo, estímulo ao esporte, acredita o secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Álvaro Gomes. “Depois de repercutir mundialmente, essa prova passa a ser sediada na Costa do Descobrimento, principalmente pela capacidade e estrutura hoteleira, de receptivo, para receber esse número de pessoas, que cresce a cada ano. Isto aquece a economia, gera renda para o povo baiano, mas, principalmente, promove o esporte como fator de inclusão social”, explicou o secretário.

Para o fundador do Brasil Ride, Mario Roma, a Bahia é um dos símbolos do País e, por isso, o resultado da parceria que já dura seis anos entre a organização e o Governo do Estado é um sucesso. “A Bahia tem o tempero mágico do Brasil, é o símbolo do País e as trilhas aqui são fantásticas, o clima é fantástico, sem contar com o calor do povo baiano. Com a mudança para a Costa do Descobrimento, é tudo novo, para nós, da organização, para os atletas, para as cidades. É tudo um desafio, como sempre. O prato é diferente, mas a pimenta é a mesma”, contou Mario.

Provas

No Brasil Ride, 500 atletas percorrerão 538,8 quilômetros da ultramaratona que tem largada no distrito de Arraial D’Ajuda, passa por um trecho da zona rural de Eunápolis e chega a Guaratinga. Serão percorridas sete etapas durante os sete dias de competição, e, ao final, sobem ao pódio os três times de atletas que completarem a prova com o menor tempo. A competição é realizada em equipes e disputada em seis categorias, passando por região litorânea e trecho de montanhas, numa variação altimétrica de mais de 10,5 mil metros. No último dia o número de ciclistas cresce participam 1.000 ciclistas da maratona que completa a semana de Brasil Ride no Extremo Sul do Estado.

Para o atleta brasileiro Henrique Avancini, atual bicampeão brasileiro de mountain bike e 15º atleta do mundo na modalidade, as trilhas baianas prometem grandes desafios. “Numa competição como essa, não é a distância de mais de 100 quilômetros diariamente que cansa os atletas. É o acúmulo dessa quilometragem em dias seguidos, em terrenos muito bonitos, mas hostis para os ciclistas. O cenário é que sempre ajuda, a Bahia oferece terrenos muito diferentes, com dificuldades muito diversas. Serão entre cinco e seis horas pedalando e olhar para a paisagem baiana é sempre inspirador”, explicou o ciclista.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: