Oeste: Caso de PM que prendeu segurança de prefeito será decidido nesta quarta

A sorte de um oficial da Polícia Militar que atua em Formosa do Rio Preto, extremo oeste baiano, pode ser definida nesta quarta-feira (3). O caso que envolve o Tenente Sulivan ocorreu após o oficial prender um segurança do prefeito de Formosa do Rio Preto, Jabes Júnior (PDT), na última sexta-feira (29). O segurança, que dirigia uma caminhote do prefeito, escondia uma arma sem registro no veículo. O funcionário também não teria porte para o armamento. No mesmo dia, agentes da 84ª Companhia Independente da Polícia Militar levaram o tenente para Barreiras, na mesma região. O ato foi entendido como uma retalição direta da prefeitura de Formosa do Rio Preto. Contatado pelo Bahia Notícias, Sulivan informou que o futuro dele será definido em conversa com o Coronel Salomão. Contrárias ao ato, associações militares se manifestaram, caso da Associação de Policiais e Bombeiros Militares do Estado da Bahia (Aspra) e Força Invicta, ligada a  oficiais da PM.

Fonte:BN

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: