Câmara de Vereadores rejeita contas do prefeito de Central

As contas da prefeitura do município baiano de Central referentes ao exercício financeiro de 2014  foram rejeitadas por 8 votos contra 3, em votação realizada nesta quarta-feira (25), com o plenário da Câmara lotado pela população.

Dois grandes problemas que levaram os vereadores a reprovarem as contas da prefeitura de Central, foram : a emissão de cheque sem fundo e ultrapassou o limite de gastos com pessoal, que é de 54%.

‘Foi uma sessão extraordinária tranquila. Houve a intervenção dos vereadores José James, Valdir Belermino e Jorgina Guedes querendo uma liminar para barrar a sessão, mas o judiciário negou. Durante a sessão o vereador Valdir também pediu para suspender a reunião, porém  foi negado, por se tratar de algo sem fundamento. Estamos  trabalhando seguindo o regimento interno, obedecendo às leis e de forma imparcial – sem lado político. Estamos exercendo o nosso papel que é de fiscalizar’, ressaltou o presidente da casa, Roberto Cunha.

No julgamento realizado pela Câmara Municipal, os vereadores apontaram irregularidades contábeis, o que deve impedir a candidatura do prefeito Uilson Monteiro à releição.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: